top of page

CRIO | INTENSO 2024

Atualizado: 16 de dez. de 2023

COMO TUDO COMEÇOU

Vamos conhecer a história do Intenso do Crio? Me acompanhe aqui em baixo..


A gente lançou o Intenso pela primeira vez logo no ínicio do Crio, quando inauguramos em Junho de 2020. A ideia era ter uma opção de café de qualidade, mas com torra mais desenvolvida, que se aproximasse do paladar que o brasileiro costuma esperar de um café. Infelizmente, é raro ver opções de cafés com matéria-prima de qualidade numa torra escura. Por aqui, tivemos desde o início e mantemos até hoje! É um dos nossos cafés mais vendidos em cápsula e normalmente um dos top 3 de vendas quando alguém quer presentear um colega que vai começar a experimentar cafés especiais. Desde que começamos, o Intenso veio de um lote produzido pela primeira fazenda parceira da gente, a 7 Senhoras.



Fazenda 7 Senhoras, Socorro-SP



COMO FOI PRODUZIDO?

A cada safra, a gente seleciona um café diferente para ser o nosso Intenso. Para 2024, optamos pelo Mundo Novo. Em geral, já costuma ser um grão com genética que tende a trazer uma bebida mais encorpada. Para ter um padrão interessante de torra e suporar um desenvolvimento de torra sem carbonização, a gente preza pela padronização de peneira, que, nesse caso, é bem alta: 17 acima ! Foi um café que passou pelo descascador assim que foi colhido para que retirasses os grãos defeituosos, verdes e os passas ruins. CURIOSIDADE DA TORRA?

Ao passar pela torra, todo café perde um pouco de peso. Inicialmente tem uma desidratação do grão e, ao final, seu volume é aumentado por conta da expansão que acontece após o crack. O Intenso é o nosso café que mais tem perda durante a torra - quase 20% - e é o mais volumoso: você pode reparar que os pacotes de intenso parecem mais preenchidos, mas isso se deve a esse crescimento do grão ao final da torra. Uma das consequências interessantes desse processo é que, ao moer, você vai perceber que a moagem é máis fácil do que a de cafés mais duros e também gera um pó tendenciosamente mais fino, em virtude da maior "crocância" e da facilidade das mós quebrarem em partículas menores.


VAMOS PREPARAR:

Chega de papo e nerdisse, e bora fazer o café com sabor de café.

Recomendo utilizar métodos de extração que sejam mais lentos e possuam maior eficiência para cafés desse tipo. Desta vez, vamos fazer no clássico Melita, que todo mundo deve ter em casa. Como falamos no post inaugural da linha de 2024, sugiro começar com água boa e que tenha sido fervida logo antes de começarmos a extração. Se você quer reforçar a natureza desse café, prefira usar uma moagem média/fina. Utilizando o Melita mais clássico, tamanho 102 e filtro de papel, pode começar colocando 25g de café no porta-filtro depois de escaldar o filtro. Se você quiser fazer uma quantidade maior e tiver o suporte 103, pode utilizar 40g de pó numa moagem um pouco mais grossa. Assim, você vai conseguir fazer café para mais pessoas sem amargar demais por conta da extração superlenta.

COMEÇANDO A EXTRAÇÃO:

Cronômetro ligado, a gente começa jogando a primeira parte de água no pó, tentando fazer isso da forma mais homogênea possível! Espere 20 segundos até começar a despejar a água novamente. Para não retardar tanto a extração, eu gosto de despejar a água com um fluxo mais intenso - posicionando a chaleira/leiteira mais do alto (uns 20/30cm de distância do pó). Tente sempre observar se a queda do café filtrado está constante, e num fio nem tão fino a ponto de gotejar e nem tão grosso - tipo queda de cachoeira. Ao todo, se você quer um café bem concentrado e encorpado, você vai despejar cerca de 300 a 350ml para essa quantidade de 25g de pó. Observe se o tempo final da extração fica em no máximo 3'30''. Caso passe desse tempo, pode ser que esteja lento demais e ultrapassando o limite de amargor desejável do grão, ou seja, puxando o amargor da cafeína além do amargor da caramelização.




DESGUSTANDO

Depois de preparado, é só servir ser feliz. Se você gosta de misturar com leite, pode fazer essa receita mesmo ou até utilizar um pouco menos de água (250g em vez de 300/350g). Para receitas de sobremesa e drinks, você pode deixá-lo mais concentrado ainda. Pescou alguma dica nova? Espero que sim! Continue acompanhando nossos conteúdos e intereja com a gente, pois temos paixão por trocar informações e ideias sobre café.


25 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
WhatsApp.svg.png
bottom of page